Atendimento médio anual: 12 alunos


O curso busca explorar linguagens teatrais contemporâneas partindo do trabalho corporal. TAMBÉM objetiva possibilitar, por meio de experimentações coletivas, a consciência corporal que se desdobrará na expressividade presente no movimento corpóreo de cada indivíduo.


FAIXA ETÁRIA
Acima de 14 anos.


OBJETIVOS

    • Desenvolver um trabalho de conscientização do corpo;
    • Discutir a diversidade de linguagens relacionadas ao trabalho corporal;
    • Provocar estímulos individuais e coletivos para a construção de partituras corporais;
    • Dialogar a vivência prática com assuntos e discussões atuais;
    • Ampliar o repertório de movimentos expressivos e comunicativos do grupo;
  • Realizar um compartilhamento de processo a partir do que foi realizado em aula.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

    • Exercícios baseados nos estudos do movimento;
    • Exercícios que provoquem a criação pessoal do movimento a partir de diversos estímulos;
    • Atividades que provoquem a criação coletiva de movimentos;
  • Apreciação crítica de trabalhos cênicos contemporâneos.

PROFESSORA

Liziane Fátima Largura Sampaio
Professora da FIC desde 2008.

É bacharel em Educação Artística – habilitação em Artes Cênicas e especialista em Encenação Teatral, ambas pela Furb. Participou de cursos, oficinas e projetos na área de atuação, direção, dramaturgia e produção teatral e oficinas de cinevideo; trabalhou no Festival Universitário de Teatro de Blumenau, na equipe de produção de grupos convidados e selecionados do Festival durante nove anos consecutivos; foi integrante do grupo Contadores de Histórias, Grupo teatral Phoenix da Furb, e do projeto da Escola Pública de Trânsito de Blumenau nos anos de 2003 e 2004, com o espetáculo  “A história de Amanda” para crianças de 0 a 5 anos; participou como atriz de três etapas do projeto “Dramaturgia Leitura em Cena” realizado pelo Sesc regional; atuou na manipulação de bonecos no programa de televisão “A carroça do Tio Neco”, que foi ao ar na Furb TV em 2003; lecionou no segundo semestre de 2005 na Escolinha de Artes “Monteiro Lobato” com aulas de teatro para crianças de 5 a 12 anos; fez parte do elenco de atores da Cia Oani de Teatro, participando do espetáculo “Procusto” apresentado no Brasil e na Argentina; integrou o projeto “Lazer Saúde” do Sesi, com apresentação do espetáculo “Altivos e Ativos, Resultados Positivos” em 2006; no ano de 2008 iniciou as pesquisas de Teatro Comunitário após participar de uma oficina, um fórum e um seminário no 7º Encontro de Teatro Comunitário, em Buenos Aires (Argentina); e integrou o Grupo Fãs de Teatro de Blumenau, no papel de atriz do espetáculo “Fãs”, apresentado no Brasil, Argentina e Paraguai, e “Fãs de Improvisação” em 2009 e 2010.

Dirige desde 2011, na sua criação, na FIC, o Grupo de Teatro Trapos e Farrapos, no qual dirigiu vários espetáculos e esquetes teatrais se apresentando em Indaial e participando do Circuito da Anmvi em 2012. Em 2015 estreou com o elenco o infantil “A Rosa Príncipe”, que fez extremo sucesso no município e foi reapresentado em 2017 com novo elenco.


CONTATO FIC
Telefone (47) 3333-2000 / (47) 3333-1964
cursos.fic@indaial.sc.gov.br


REGULAMENTO
Antes de inscrever-se em nossos cursos, leia o regulamento.